Buscar
  • Victor Huggo

INCANTAROLÁVEL

Atualizado: 28 de out. de 2019


Tente lembrar dos cinco últimos filmes que você assistiu no cinema. Agora faça um esforço e tente lembrar de alguma música que te marcou em um desses filmes, pode ser instrumental ou canção, ah antes que eu me esqueça: Não vale filme musical, nem filmes sobre cantore(a)s e bandas...não conseguiu recordar? As que recorda são de filmes mais antigos? Não lembra nem de ter ouvido música nos filmes mais recentes?


Bom, normalmente quando recordamos de alguma música que nos marcou, na maioria das vezes esquecemos a letra, não temos muita noção do bpm (velocidade medida em batidas por minuto) e nem lembramos do ritmo que a música tem, mas mesmo assim cantarolamos. O que cantarolamos é a famosa melodia, é essa senhora a característica mais marcante em uma canção ou tema instrumental.


As trilhas de cinema de maior sucesso são as que tem a melodia mais bem trabalhada e marcante. Se você tem 30 anos ou mais de idade, fatalmente você recorda ou ao menos reconhece o tema de "Idiana Jones"; “E O Vento Levou" e mais alguns que eram exibidos com frequência na TV durante sua infância e juventude. 


A melodia foi usada durante muitos anos no cinema, justamente para agregar mais sucesso aos filmes, uma vez que melodias mais marcantes fixavam-se mais facilmente na memória do público, atraindo mais espectadores para os filmes. Outra função importantíssima da melodia, era amenizar a descontinuidade resultante da montagem do filme. 


Uma discussão presente fóruns de compositores do mundo inteiro é exatamente o desaparecimento da melodia. Hoje você entra no cinema, assiste o filme, sai e muitas vezes nem lembra de que tinha música rolando. As trilhas viraram texturas, climas, “ruídos musicais”, que sem a menor duvida, muitas vezes servem perfeitamente aos filmes, mas se tornaram “incantaroláveis”, isso é uma tendência principalmente nas grandes produções dos maiores estúdios. Por outro lado a melodia ainda sobrevive em filmes de menores bilheterias.


Votarei à melodia em outros momentos adiante.





3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo